Home
|
|
|
|
|

| Saúde Federal | Saúde Estadual | Saúde Municipal | INSS | MPS | Funasa | DRT | PSF ACS ACE | Ações Judiciais | Comunitário | Política | Economia | Cultura | Geral | Galeria de Fotos | Links | Erramos 30/05/2019 15/05/2019 14/05/2019 03/05/2019 10/04/2019
Saúde Estadual  

Crise no Noel Nutels: empresa recebe mas não paga terceirizados

22/07/2016

Da Redação do Sindsprev/RJ
Por Olyntho Contente

A empresa terceirizada Pró-Segur (ex-Facility) não paga há mais de cinco meses os salários dos seus empregados que trabalham no Laboratório Central do Estado Noel Nutels. A situação dos trabalhadores é grave, já que estão literalmente pagando para trabalhar. A empresa não honra seus compromissos e ainda ameaça demitir por justa causa quem faltar. A crise atinge também aos servidores, com salários atrasados e não pagos integralmente, e ao próprio funcionamento do laboratório.

Às vésperas das Olimpíadas, o governo do estado não tem mais condições de realizar a análise de alimentos e água mineral, nem atender aos pedidos de exames de sangue e urina feitos por médicos dos hospitais da rede estadual de saúde. Esses serviços não podem mais ser feitos pelo Laboratório Central Noel Nutels, em função do gradativo sucateamento e abandono da unidade por parte dos governos Cabral, Pezão e Dornelles, que chegou ao seu ápice com a falta total de insumos necessários para as análises de rotulagem, microbiológica e de microscopia dos produtos e para a realização de hemogramas e exames de urina.

A grave situação coloca em risco a vida de toda a população do Estado e dos turistas, que podem estar consumindo alimentos e água sem qualidade ou contaminados. Extremamente grave é também a situação dos pacientes dos hospitais do Estado com suspeita das mais variadas doenças, cujos exames de sangue e urina são colhidos, chegam ao Noel Nutels, mas não têm condições de ser analisados. Neste caso, aumenta o risco de mortes, sobretudo por doenças endêmicas como zica, chicungunya e dengue. Não há condições de serem feitos, igualmente, exames de sangue de gestantes com suspeita de zica, cujo feto pode ser vítima de microcefalia





     Voltar

Ir para o topo | Envie esta página para um amigo | © SINDSPREV 2007  |  Desenvolvido por Spacetec