Home
|
|
|
|
|

| Saúde Federal | Saúde Estadual | Saúde Municipal | INSS | MPS | Funasa | DRT | PSF ACS ACE | Ações Judiciais | Comunitário | Política | Economia | Cultura | Geral | Galeria de Fotos | Links | Erramos 30/05/2019 15/05/2019 14/05/2019 03/05/2019 10/04/2019
DRT  

Greve no Ministério do Trabalho começa com manifestação

31/08/2015

Protesto de servidores do MTE marcou o primeiro dia de greve no Rio
Foto: Fernando França

Da Redação do Sindsprev/RJ
Por André Pelliccione

Os servidores do Ministério do Trabalho e Emprego (MTE) no Rio de Janeiro iniciaram, nesta segunda-feira (31/8), uma greve por tempo indeterminado. A greve começou com uma manifestação dos servidores e auditores fiscais, nas escadarias do prédio da SRTE e do Tribunal Regional do Trabalho (TRT-RJ), na rua da Imprensa, s/nº, no Centro do Rio. Os servidores do MTE lutam por reajuste de 27%, incorporação da GDPST, paridade de vencimentos entre ativos e aposentados, concurso público, 30h semanais para todos, condições de trabalho e de atendimento à população.

Em resposta, o governo federal ofereceu os mesmos 21,3% de reajuste em quatro anos, de 2016 a 2019, já rejeitado por todas as categorias do funcionalismo público federal. “Essa proposta do governo, de 21,3% em 4 anos, é vergonhosa porque não repõe sequer a inflação dos últimos 12 meses, que já supera os 9%. Além de reajuste, queremos a incorporação da GDPST, com paridade entre ativos e aposentados, e que o Ministério do Trabalho nos ofereça condições dignas de trabalho. No Ministério, os servidores não têm água pra beber, as cadeiras estão quebradas e os computadores e sistemas não funcionam, o que impede que várias pessoas sejam atendidas, sobrecarregando ainda mais os servidores. Isto não deveria acontecer em lugar algum, muito menos no Ministério encarregado de fiscalizar as condições de trabalho nas empresas”, afirmou Ronan Santos, da direção do Sindsprev/RJ.

Além da Superintendência Regional de Trabalho e Emprego (SRTE), o Ministério do Trabalho conta, no estado do Rio, com delegacias de atendimento em Duque de Caxias, Itaguaí, Nova Iguaçu, Niterói, Petropolis e Cabo Frio.






     Voltar

Ir para o topo | Envie esta página para um amigo | © SINDSPREV 2007  |  Desenvolvido por Spacetec