Home
|
|
|
|
|

| Saúde Federal | Saúde Estadual | Saúde Municipal | INSS | MPS | Funasa | DRT | PSF ACS ACE | Ações Judiciais | Comunitário | Política | Economia | Cultura | Geral | Galeria de Fotos | Links | Erramos 30/05/2019 15/05/2019 14/05/2019 03/05/2019 10/04/2019
Geral  

Nesta quarta (2/3), funcionalismo protesta contra Pezão (PMDB) e prepara greve geral

01/03/2016

Servidores protestam contra políticas do governo Pezão (PMDB): objetivo é preparar a greve geral do funcionalismo
Foto: Niko

Da Redação do Sindsprev/RJ
Por André Pelliccione

Servidores públicos do Estado do Rio fazem nesta quarta-feira (2/3), a partir das 15h, nas escadarias da Alerj, mais um ato unificado para pressionar os deputados a rejeitarem projetos de lei do governador Luiz Fernando Pezão (PMDB) que preveem o aumento, de 11% para 14%, na contribuição para o RioPrevidência, além do fim do subsídio ao bilhete único, entre outros cortes de direitos.

A manifestação é organizada pelo Movimento Unificado dos Servidores Públicos Estaduais (Muspe), com participação de 35 entidades sindicais, incluindo o Sindsprev/RJ. O objetivo é preparar uma possível greve geral de todo o funcionalismo, como resposta às políticas de sucateamento e privatização do serviço público implementadas pelo governo Pezão.

No último dia 3/2, também na Alerj, cerca de 1.500 servidores de diversas categorias protestaram contra essas políticas. Com os motes ‘servidor na rua, Pezão a culpa é sua’ e ‘basta, os servidores e a população não vão pagar pela crise’, a manifestação foi marcada por forte indignação dos servidores. 






     Voltar

Ir para o topo | Envie esta página para um amigo | © SINDSPREV 2007  |  Desenvolvido por Spacetec